quarta-feira, março 08, 2006
falando sobre sexo
Tenho um amigo em especial com quem gosto muito de ter discussões sexuais [que nunca saem da teoria]. Nossas conversas renderiam ótimas teses de mestrado devido nosso aprofundamento no assunto em nossos papos geralmente regados a cerveja.

Ontem discorremos sobre:

- penis circuncisado
- sexo e o mundo [na nossa cama, claro!]
- orgasmo vaginal

Contei a ele o meu susto quando peguei um circuncisado na mão pela primeira vez. Minha ignorância no assunto fez eu acreditar que o moço tinha algum problema, em especial porque ele vinha de terras afegãs. Fiquei imaginando formas de torturas até o coitado ficar naquele estado.

O problema na época era para quem eu poderia perguntar o que significava aquela falta de pele. Felizmente alguém me explicou dois motivos plausíveis, então eu dormi em paz e sonhei com o moço [e seu apetrecho] circuncisado. Curiosamente após ele passar na minha vida, eu passei a preferi-los.

Ao contar a história, meu amigo perguntou o porquê e então eu discorri sobre minha teoria e também as dificuldades que tive para aprender a lidar. Por exemplo: como fazer para bater uma? Essa foi a grande dificuldade, mas tive um namorado nesta situação que pacientemente me ensinou como dar prazer a ele desta maneira.

Também acho higiênico e mais bonito esteticamente. Meu amigo sorriu e eu perguntei se ele fazia parte do grupo. Sorriu de volta dizendo que sim e eu quase o arrastei para o banheiro da padaria para ver como era. Não rolou!

Ele me perguntou se eu tenho orgasmos facilmente [é, parecia uma entrevista concedida à revista Nova]. Até tenho, o problema é que os homens tem síndrome coelhística. Ele acredita que a velocidade é quem determina o prazer da mulher. Ai ai ai. Comigo não funciona. Tem que alternar. Devagar para começar e aí vai aumentando o ritmo. É batata. Já o que chega apavorando, geralmente me deixa chupando o dedo.

A pergunta seguinte foi se orgasmo vaginal existe ou se é utopia. Existe sim, mas para a maioria das mulheres ele é difícil. Eu cheguei lá dessa forma pouquíssimas vezes. Somos um verdadeiro campo de estímulos e raramente a "vagina" funciona sozinha. Por isso, homens que pensam que somos uma ovelha inflável e apenas tira e põe, sempre nos decepcionam.

Já a classificação dos melhores por países é difícil. Afinal isso varia de homem para homem. Eu não sou perita no assunto, mas como passei um bom tempinho fora do trópico, tive a chance de saber [em especial nas rodas femininas em que essas discussões sempre surgiam] os preferidos.

Aviso para a decepção da maioria: na lista das amigas os italianos foram considerados os piores. Perderam até para os ingleses. Em ambos os casos eu não falo por mim, mas a teoria que ouvi é que os italianos em sua prepotência de serem os melhores deixam a desejar ao acreditar que eles por eles bastam. É "venham ao nosso reino e façam a nossa vontade". Resolvi nem arriscar.

Curiosamente os eleitos como melhores vinham de terras mais distantes, em especial do leste europeu. Eu não consegui descobrir o motivo, mas a mulherada adorava um ucraniano, russo, croata, esloveno e por aí vai. Também fiquei com essa pendência, se bem que teve um pseudo-afegão que mandou bem.

O que aprendi nessa minha vida é que todo mundo pode melhorar. Então se surge um "coelhinho" em nossas vidas, mas achamos que ele vale a pena, é só conduzi-lo para que aja da forma como gostamos. Mulheres também tem suas preferências que variam de uma para uma. Por isso eu sou boca aberta e sempre mostro o que gosto e o que eu não gosto e acredito que quanto mais ficamos com essa pessoa, mais o sexo pode funcionar, porque vamos conhecendo melhor um ao outro e sabendo de suas preferências até chegar no encaixe perfeito.

Ok, esse texto ficou com cara de revista Nova, então fecho dizendo que mãos, boca, língua são fundamentais porque coelhinhos só ficam na moda em março.

Postado por Desiree às 1:39 PM |



12 Comments:
Blogger Ota escreveu...

realmente os assuntos cobrem todos os detalhes, hein? Queria ser uma mosca para escutar um pouco dessas tuas conversas..
huahauhauhauh
Por que não rolou de arrastar ele para o banheiro?

5:47 PM  
Blogger Desiree escreveu...

porque eu acho que ele tem medo de mim! hahahahahaha

5:55 PM  
Blogger Warum Nicht? escreveu...

Por quê um homem teria medo de ser "exposto" a uma mulher que não tem "papas na língua"? Talvez porque ele saiba que todo mundo que lesse este blog saberia dos pormenores do seu pênis... Não se pode dizer que isto é, de alguma forma, encorajador para um exemplar típico do sexo masculino, cuja famosa jactância DEVE premanecer no terreno da teoria...
Um abraço!

6:09 PM  
Anonymous Antaggio escreveu...

Excelente post. Já tá na hora de trocar o nome do blog :-)

6:14 PM  
Blogger NicoleW escreveu...

Hi, a nice blog you have here... You will surely get an bookmark :) Fleshlight

6:26 PM  
Blogger Desiree escreveu...

que nada... o sexo aqui ultimamente tem sido só na teoria... continua com o NO até que seja o contrário!

qto aos detalhes: pode ficar tranquilo que eu não exponho tais detalhes no blog e se fiz em algum momento, tive todo cuidado do mundo de não expor o ser em questão.

;-)

7:02 PM  
Anonymous Tvon escreveu...

hahahahaha!!!
primeira vez aqui.
minhas impressões:

1. gola rolê só traz problemas de higiene, mulher mais do que ninguém, sabe o que é viver num país tropical, então viva a gola careca! esteticamente acho mais bonito tb.

2. homens do leste europeu? será por causa da vodka? afinal o álcool deixa a carne mais macia... rsrs

3.quanto ao orgasmo vaginal não acredito que seja utopia. afinal temos várias terminações nervosas que nem sabemos pra que servem, é uma questão de exploração do corpo. entre clitoriano e vaginal, acho válido os dois, o importante é o orgasmo.

7:07 PM  
Anonymous guetoblaster escreveu...

kkkkkkkkkkk !
putz !! tvon enumerando temas é melhor ainda do que desiree falando sobe sexo !!!
abaixo o woody allen, desiree para diretora de a nova versão de "tudo que vc queria saber sobre sexo mas tinha medo de perguntar".

8:18 PM  
Anonymous Beto escreveu...

Como eu não leio a NOva, só tenho vc como referência :) Espontaneidade inteligente a sua ..gostei!
Bjo

8:29 PM  
Blogger Serjones escreveu...

coelhos italianos com fimose te mordam, batman!

ficou bem revista nova mesmo! :)

9:49 PM  
Blogger Fonseca escreveu...

hehehe... muito bom!

Aviso aos homens: fiquem longe do café quente em copinho de plástico. Acaba com dois terços da potencialidade sexual masculina: queima os dedos e a língua. Já fui avisado e fico longe de tal bebida perigosa.

12:11 PM  
Blogger Ota escreveu...

só homem comenta?
será que as moças ficaram envergonhadas com o tema pouco usual fora das revistas?

12:23 PM  

Postar um comentário

<< Home