terça-feira, fevereiro 07, 2006
dedos mágicos
Tenho alguns amigos gays, mas poucas amigas lésbicas. Estou acostumada a ouvir deles as histórias mais surreais do planeta, já em relação a elas para mim tudo parece muito velado. Geralmente elas não me contam nada e eu fico curiosa em saber como as coisas rolam.

Eis que vem uma confissão na mesa do almoço. Tudo começou numa festa que fomos num final de semana. Minha amiga estava animadinha e parecia um ventilador, tanto virava a cabeça para ver a mulherada que chegava. O tipo ideal apareceu, mas acompanhada e ela foi enchendo a cara o suficiente para ficar mais generosa na escolha.

A essas alturas, uma outra amiga que nem é do babado também virava copos e copos. Enquanto uma pulava, a outra ia caindo cadeira abaixo. Eu, mais sóbria do que nunca, me divertia com a situação. Fui dar umas voltinhas e quando voltei, me deparei com as duas se agarrando. Ri e não acreditei. Ela com ela? Ahn?

No dia seguinte fomos todos almoçar [com exceção da minha segunda amiga] e já chegamos colocando a primeira na parede:

- E aí, ela dormiu no seu apê?

- Claro que não. Me deixou lá e foi embora.

E então tirou o celular da primeira amiga da bolsa e pediu para eu devolver a ela.

- Ué, mas como ela esqueceu o celular com você se foi ela quem te deu carona?

Tempo vazio, comida na boca, chama o garçom, acende um cigarro, ri.

E os três olhando para ela esperando uma resposta.

- Ela dormiu lá.

- Ahhhhh - quase em coro!

- Mas conta, o que rolou?

- Não rolou nada. Ela chegou, deitamos e dormimos.

- Sei. Conta logo!

E a cada espremida, um detalhe vinha à tona. No final tinha rolado tudo e ela estava passada com a habilidade da nossa amiga que nem do babado é, mas foi a mais ativa que ela cruzou na vida, que a fez ver estrelinhas tão rapidamente, já que nossa amiga parece ser dona de dez dedos mágicos e sabe bem o que fazer com cada um deles.

Os detalhes foram pra lá de generosos e eu não ouso compartilhar. A dona dos dedos mágicos virou para minha amiga a "referência". De acordo com P a dona dos dedos mágicos é dez e P já anda sofrendo com as comparações que fez depois da intervenção da dona dos dedos mágicos na sua vida.

Até eu fiquei curiosa com tal habilidade!!! Afinal não é sempre que você ouve [ou conhece] alguém dizer que alguém tem dedos mágicos.

ps: meu blog sempre fica mais picante quando minha vida está no banho-maria

Postado por Desiree às 5:50 PM |



3 Comments:
Anonymous Randall escreveu...

Picante, realmente. Mas confesso, não sei se em nome de toda a platéia masculina, que rola um certo medo dessa sua amiga dos Dedos Mágicos...

7:05 PM  
Blogger Desiree escreveu...

ahh... minha amiga está toda caidinha pela outra dos dedos mágicos! hahahahahaha...

10:25 PM  
Blogger nandi escreveu...

fala pra essa sua amiga abrir uma escola... sucesso na certa!!

5:31 PM  

Postar um comentário

<< Home